APLB: CARTA DOS PROFESSORES DA REDE ESTADUAL À COMUNIDADE DE POÇÕES


“Me movo como educador, porque, primeiro, me movo como gente.” – Educador Paulo Freire –

Entendemos que a educação pública de qualidade passa necessariamente pela valorização dos professores e demais profissionais da área. A greve, direito constitucional, foi deflagrada pelos professores da rede estadual, basicamente por um motivo: o não repasse do índice de 22,22% para o piso salarial da categoria, conforme o determinado pelo Governo da Presidente Dilma, e acordado com o Governo do Estado.

É essencial valorizar os professores e demais funcionários que trabalham na educação, devidamente qualificados e admitidos por concurso público.

Esclarecemos à comunidade que as aulas não ministradas no período dessa paralisação serão repostas posteriormente sem nenhum prejuízo para os alunos.

Nós, professores, temos compromisso com a educação pública, gratuita, democrática e de qualidade, estratégica para o desenvolvimento do Brasil .

Conclamamos assim, toda a sociedade, em especial os funcionários públicos, alunos e pais de alunos a se engajarem nesta luta, que visa única e exclusivamente o cumprimento do que determina a Lei.

O pagamento do Piso é para todo o país, portanto, exigimos que o governador Jacques Wagner cumpra o acordo assinado com a categoria em novembro de 2011.

A GREVE É LEGAL, ILEGAL É NÃO CUMPRIR O ACORDO!


POÇÕES: Dr. ALMINO TEME A INJUSTIÇA


A reportagem do Portal Poções manteve contato telefônico com o ex-prefeito Almino Alves Viana, na noite desta quarta-feira (18), para esclarecer assuntos relacionados ao processo de improbidade administrativa que ele responde no Ministério Publico Federal. Em conversa, Almino disse estar tranquilo, pois segundo ele, neste processo ele nem sequer foi citado e se alguma condenação ouve, é injustiça. Ele ainda disse que entrará em contato com seus advogados nesta quinta-feira (19) e posteriormente enviará uma nota de esclarecimento para o Portal Poções e a todos os sites que publicaram a matéria sobre o assunto. Vale lembrar que Dr. Almino lidera todas as pesquisas realizadas no município.


SAIU NO TRIBUNA: EX-GESTORES DE POÇÕES TERÃO DE RESSARCIR COFRES PÚBLICOS EM MAIS DE 57 MIL REAIS


O ex-prefeito do município baiano de Poções Almino Alves Viana, o ex-secretário de Saúde da cidade Artur Moura Neto e o provedor na ocasião da Sociedade Beneficente de Amparo Social, mantenedora do Hospital Regional de Poções (Hospital São Lucas) Ciro Antônio Leto terão de ressarcir os cofres públicos em mais de 57 mil reais. O valor corresponde ao prejuízo que causaram ao Sistema Único de Saúde (SUS) e ao município, localizado a 444 km de Salvador, pela realização de pagamentos ao hospital São Lucas por procedimentos cirúrgicos não realizados, entre os meses de novembro de 2004 e janeiro a março de 2005, fatos que levaram os Ministérios Públicos Federal (MPF) e Estadual (MPE) a ajuizarem uma ação civil por improbidade administrativa contra os três.
(mais…)


POÇÕES: JOVEM MORRE APÓS ACIDENTE NA SERRA DO CAPA BODE


Por volta das 23h30min, desta terça-feira (17), um jovem perdeu o controle da sua moto ao fazer uma curva na região conhecida como Pé do Nogueira, na BA-262 em Poções. Segundo informações, o jovem conhecido como Toe ficou bastante ferido e por sorte foi socorrido por populares passavam pelo local no momento do acidente. De imediato ele foi encaminhado para o Hospital de Nova Canaã e em seguida transferido para o Hospital Geral de Vitória da Conquista, onde veio a óbito na tarde desta quarta-feira (18). O Jovem Toe morava na Serra do Capa Bode.


POÇÕES: MAPA APONTA 10 MUNICÍPIOS DA BAHIA QUE CONCENTRAM 48,9% DOS CASOS DE DENGUE


Dez municípios concentram 48,9% (pouco mais de 11 mil) dos 22.511 casos notificados de dengue na Bahia em 2012, até o último dia 24: Salvador, Feira de Santana, Itabuna, Serrinha, Senhor do Bonfim, Guanambi, Jacobina, Ilhéus, Poções e Piripá.

Embora os dados de casos notificados tenham sofrido uma redução de 6% em relação ao mesmo período do ano passado (de 23.960 em 2011, para 22.511 em 2012), já foram confirmados 71 casos de dengue grave em 29 municípios, com sete mortes (Salvador, Conceição do Jacuípe, Guanambi, e Camaçari e Jacobina com duas mortes cada um). Os óbitos nos primeiros três meses representa quase 40% do registrado em todo ano passado.

A coordenadora da Vigilância Epidemiológica da Sesab, Jesuína Castro, considera que haja uma subnotificação do número total de casos, “a julgar pelos registros de casos graves, que se mostraram iguais ao ano passado”. Com informações do Jornal A Tarde.


POÇÕES: FEIRA LIVRE SERÁ NA SEXTA-FEIRA DEVIDO AO FERIADO DE TIRADENTES


 

FEIRAA feira livre de Poções é uma das maiores do Sudoeste baiano e já se tornou uma tradição cultural na cidade. É um espaço destinado não apenas às compras, mas também ao entretenimento e um ponto de encontro entre amigos.
A feira que acontece aos sábados, excepcionalmente, esta semana, será antecipada para a sexta-feira (20), em virtude do feriado nacional de Tiradentes. As casas lotéricas também não funcionarão durante o feriado.

 Outros serviços, como a coleta de lixo também não serão ofertados no sábado. Por isso, a Secretaria de Serviços Públicos pede a população para que não coloque seus lixos na rua neste dia. Com informações da FM Comunitária.


POÇÕES: SINDICATO DOS COMERCIÁRIOS APLICARÁ MULTA EM EMPRESAS QUE NÃO RESPEITAREM O DIREITO DA CLASSE NO FERIADO DE TIRADENTES


Joilson tem feito um excelente trabalho a frente do Sindicado

O Sindicato dos Empregados no Comercio, representada por seu Presidente o Sr. Joilson Pereira da Silva, vem informar a todo o comercio de Poções e região, que a abertura do comercio no dia 21 de Abril de 2012 (Feriado de Tiradentes) somente será possível sob previa autorizações mediante Acordo Coletivo entre as Empresas e Sindicato, por este motivo, informamos a todos os Empresários e interessados que procurem a entidade de classe para firmar acordo. As Empresas que não respeitarem a Convenção Coletiva, e nem tão pouco firmarem prévio acordo para abertura do comercio em dias e horários diferenciados, serão fiscalizados pela entidade e consequentemente, denunciadas ao Ministério do Trabalho, para que tome as devidas providencias sem prejuízo de reparações e indenização aos direitos lesados na Justiça do Trabalho em prol dos trabalhadores. A Entidade Sindical abre as portas para negociação aos casos que legalmente forem garantidos os direitos trabalhistas da classe comerciaria, assim como a convenção coletiva vigente.


POÇÕES: PROFESSORES CONTINUAM EM GREVE


2assembleiaprofDepois de sete dias do início da greve dos professores da rede estadual de ensino, a categoria realizou nova assembleia nesta terça-feira (17) para discernir sobre os rumos do movimento em Poções.

Com a presença de professores e alunos da rede estadual, a comissão de greve esclareceu o porquê do movimento e as negociações ocorridas em Salvador entre a APLB Sindicato e o governo do Estado.

Na assembleia ficou decidido que os professores permanecerão com as atividades paralisadas até que o Governador cumpra com o acordo do Piso Salarial. Outra deliberação da assembleia de hoje diz respeito às manifestações que a categoria deverá promover na cidade nos próximos dias.
(mais…)


PLANALTO: POPULAÇÃO FAZ PROTESTO NA BR-116


Moradores do município de Planalto, no Sudoeste da Bahia, protestaram contra a falta de segurança na BR-116 no início da noite desta terça-feira (17), segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF). Os manifestantes fecharam a rodovia por volta das 18h30 na entrada do município, e queimaram pneus no local, impedindo o tráfego de veículos na região até às 22:30, causando um kilométrico congestionamento na pista, nos dois sentidos.


PROFESSORES EM GREVE: JAQUES WAGNER MANDA CORTAR SALÁRIO.


O governo da Bahia decidiu, nesta terça-feira (17), cortar o ponto dos professores grevistas da rede estadual de ensino, paralisada há seis dias. A recomendação partiu da Procuradoria-Geral do Estado, devido ao julgamento de ilegalidade do movimento, conforme sentença expedida na última sexta (13) pelo juiz da 5ª Vara da Fazenda Pública, Ricardo D’Ávila. “A própria Lei da Greve prevê que, uma

vez reconhecida a ilicitude da mobilização, o empregador está autorizado a cortar o ponto”, pontuou o procurador Caio Druso.
(mais…)