Moradores reclamam de acúmulo de lama, esgoto entupido e presença de urubus no Vila Divina.


Populares da rua G bairro Vila Divina procuraram a reportagem do Portal Poções para relatar a situação de descaso da via onde residem na cidade de Poções. De acordo com eles, são vários os problemas como esgoto entupido, presença de Urubus e o acúmulo de lama em dias chuvosos. “Temos convivido com esse transtorno, precisamos trafegar diariamente pela via e em dias chuvosos o trecho permanece enlameado. A rua é pavimentada, mas a lama desce do bairro Alto da Vitória. É preciso que a prefeitura tome as medidas cabíveis, pois já reclamamos várias vezes para o poder público e nada é feito. Cadê o dinheiro dos nossos impostos prefeita?”, indagou o morador.

 


Natação da Santa Casa de Jequié conquista ouro e prata em competição paralímpica nacional


Foto: Reprodução

O último fim de semana foi de medalhas para duas paratletas baianas na segunda fase nacional do Circuito Paralímpico Loterias Caixa, organizado pelo Comitê Paralímpico Brasileiro, em São Paulo. A Santa Casa de Jequié, unidade assistencial da Fundação José Silveira, foi ouro nos 100m peito, com Verônica Almeida, atleta paralímpica, recordista mundial e treinadora do Programa Habilitação Esportiva Inclusiva do Centro de Reabilitação de Jequié, que integra o complexo da Santa Casa.

“Feliz demais por retornar às piscinas me mantendo no lugar mais alto do pódio”, comemorou Verônica. Nos 100m peito da categoria SB7, ela também melhorou seu desempenho, completando a prova em 01:57:96, mais de dois segundos abaixo do seu antigo recorde, de 02:00:33.

Outro destaque no Circuito foi a paratleta Bárbara Britto, 14 anos, que disputou a prova da Classe S9, nos 100m costa e 400m livre, conquistando duas medalhas de prata para a Santa Casa de Jequié.

Treinada por Verônica Almeida no Programa Habilitação Esportiva Inclusiva, a jovem atleta disputou, ainda, a prova dos 50m livre, melhorando em 1:50 segundos a marca atingida na primeira fase do Circuito.

“Fechei a segunda etapa do brasileiro do melhor jeito possível, superando todas as minhas expectativas, além de confirmar que estamos no caminho certo. Finalizo a competição fazendo meu melhor desempenho da vida, até aqui, em todas as provas nadadas e vice campeã brasileira nos 100m costas e 400m livre”, afirmou Bárbara.


O povo quer saber: vai ou não vai ter a Festa do Divino?


Foto: A7 Produtora

A população de Poções se pergunta quais os critérios de seleção utilizados pelo Governo Municipal para definir seus investimentos em cultura. A dúvida surge diante da possibilidade da não realização da tradicional Festa do Divino, padroeiro da cidade, realizada há mais de 140 anos e paralisada durante a pandemia. Agora, mesmo depois de o Governador do Estado, Rui Costa, ter liberado a realização das festas e do São João, ainda assim a Prefeitura se recusa a realizar o evento que movimentaria o cenário econômico da cidade. A questão financeira do município não foi avaliada da mesma forma com os gastos anteriores, que ainda deixam o poçoense com um nó na garganta. Cerca de 500 mil reais foram gastos no final do ano passado com a iluminação e decoração natalina. Os custos incluem artistas, mão de obra, funcionários que trabalharam um ano inteiro fazendo decorações com material reciclável e as luzes, propriamente ditas. Mais recentemente outro escândalo: o pagamento de um cachê de 70 mil reais para um palestrante que veio participar da Semana Pedagógica dos professores da Rede Municipal. E aqui, retorna a dúvida que abriu essa matéria: quais os critérios utilizados para os investimentos em cultura? Por que se gasta tanto com coisas supérfluas em detrimento à realização da festa centenária, que envolve fé, lazer, diversão, arte, cultura e o início da recuperação da economia local? Será que não está na hora de ter bom senso e deixar com que o povo e os comerciantes celebrem a esperança de um 2022 melhor? O Portal Poções, como veículo sério e imparcial, aguarda uma resposta do Governo Municipal para tais questionamentos.


O Brasil é Agro: Valor da Produção Agropecuária deve chegar a R$ 1,227 trilhão este ano


Foto: reprodução

O Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) deverá alcançar R$ 1,227 trilhão este ano, 2,4% a mais do que o R$ 1,199 trilhão registrado em 2021. A estimativa foi divulgada pela Secretaria de Política Agrícola, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

Segundo a secretaria, o crescimento do VBP deverá ser registrado mesmo com a estiagem no Sul do país durante os meses de plantio, um dos principais fatores a impactar o resultado deste ano.

“Esses resultados podem ser atribuídos, em geral, aos aumentos de produção e aos preços”, diz nota da secretaria.

O valor das lavouras, segundo ainda a secretaria, cresceu 7,5%, e o da pecuária sofreu uma retração de 8,5% na relação de um ano para outro.

Os produtos com bom desempenho do VBP são o algodão em pluma, aumento real de 42,2%; banana, 17,7%; batata inglesa, 11,4%; café, 55,7% (conillon e arábica); cana-de-açúcar, 28,4%; feijão, 8,7%; laranja, 10%; milho, 24,1%; tomate, 32,6%; e trigo, 4,8%.


Botijão de gás fica mais barato para as distribuidoras


Foto: Reprodução

O preço do gás de botijão ficou mais barato para as distribuidoras a partir deste sábado (9). Isso porque a Petrobras anunciou na sexta-feira a redução do preço médio de venda do GLP, que passou de R$ 4,48 para R$ 4,23 por kg, o equivalente a R$ 54,94 por 13kg. Com isso, a redução média deve ser de R$ 3,27 por 13 kg, ou de 5,58%. O botijão de 13 kg custa R$ 113,54, em média, no país, segundo pesquisa da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) feita entre 3 e 9 de abril.


Rui Costa confirma realização do São João da Bahia em 2022


Foto: Reprodução

O governador Rui Costa (PT) anunciou nesta segunda-feira (11), durante agenda na cidade de Ibicuí, que está autorizada pelo Governo do Estado a realização dos festejos juninos, em todo o território baiano, em 2022. “Confirmamos aqui o São João na Bahia esse ano. Já autorizei a Secretaria de Turismo a organizar e publicar, ainda esta semana, edital para que as prefeituras possam se inscrever no São João”, declarou Rui, se referindo ao apoio dado pelo Governo do Estado para a realização dos festejos de Santo Antônio, São João e São Pedro que acontecem em diversas cidades do estado e que foram suspensos por dois anos consecutivos, por causa da pandemia da Covid-19. Apesar da autorização, o governador chamou atenção para a importância da população completar o esquema de vacinação contra o coronavírus e garantir assim a segurança sanitária na realização das festas. “Vamos dançar forró com muita segurança e muita saúde. Tome a segunda e a terceira dose (da vacina). Vamos mandar essa doença para longe para podermos cair no forró”, completou Rui.


Poções zerou o número de casos da covid-19


Poções registrou, até esta segunda-feira (11/04), o total de 5962 casos confirmados da Covid-19. Destes, 5877 estão recuperados e não há nenhum caso em recuperação. No momento, é investigado apenas 01 caso notificado como suspeito. Desde o início da pandemia, foram registradas 85 mortes por complicações causadas pela doença no município.

Líder da oposição na AL-BA rebate deputado governista que fez projeção sobre ACM Neto; confira


Reprodução

Líder da oposição na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), o deputado estadual Sandro Régis (UB), rebateu as declarações feitas pelo deputado governista Alex da Piatã (PSD), que afirmou que o pré-candidato ACM Neto (UB) ficaria em terceiro lugar nas eleições para governador, em uma projeção levando em conta os apoios de presidenciáveis na Bahia. Segundo Régis, o colega na AL-BA deveria estar preocupado com seu principal reduto eleitoral, em Conceição do Coité. “O deputado Alex da Piatã tem que ter cuidado para não ficar em terceiro em Coité. Por lá, os favoritos são o candidato do prefeito e um outro nome do PT”, disse Régis, destacando ainda que ACM Neto não só lidera as pesquisas como tem tido uma recepção positiva em todos os municípios por onde passa. “Isso tem irritado os aliados do governo do PT, que deixa o estado como último em educação e primeiro em violência. As pessoas querem mudança”, afirmou. Adversário de Neto, Jerônimo Rodrigues (PT) comentou a declaração do aliado, em tom de brincadeira ao dizer que iria chamar o parlamentar ‘para conversar”.//BNews