Salvador registra 3 mortes de PMs e outros 2 baleados em fim de semana violento


Foto: Felipe Oliveira/TV Bahia

Três policiais militares foram mortos entre as noites de sábado (7) e domingo (8), em Salvador. Outros dois militares foram baleados neste mesmo período. Por causa disso, o policiamento foi reforçado em áreas críticas da capital, como Águas Claras, Cajazeiras e Fazenda Grande. O primeiro caso aconteceu no final do sábado. O soldado Alexandre Menezes morreu após ser baleado na cabeça, na Rua Ulisses Guimarães, em Águas Claras. Ele estava em serviço com companheiros e o grupo fazia ronda no local. Ao chegar na via, os militares trocaram tiros com homens armados, que conseguiram fugir. O soldado foi socorrido pela própria equipe e levado para o Hospital Professor Eládio Lasserre (HPEL). Por causa da gravidade dos ferimentos, ele foi transferido para o Hospital Geral do Estado (HGE), mas não resistiu aos ferimentos e morreu. De acordo com o G1, um outro soldado, que estava na mesma viatura, foi baleado de raspão na orelha. Ele passou por atendimento médico, mas não precisou ser internado. O soldado Menezes era lotado na 3ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM) de Cajazeiras. O corpo do soldado foi sepultado no domingo, no Cemitério da Baixa de Quintas. Dois companheiros de farda de Alexandre, Vitor Vieira Ferreira Cruz e Shanderson Lopes Ferreira foram mortos após sair do velório. A dupla estava à paisana. Moradores da região chamaram a Polícia Militar e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que prestou atendimento e socorreu os dois PMs para o Hospital Municipal de Salvador, porém, eles não resistiram aos ferimentos. Já fora da região Águas Claras, Cajazeiras e Fazenda Grande, um outro policial militar foi baleado no final da noite de domingo (8), na região da Lagoa do Abaeté, em Itapuã. Um sub-tenente, identificado como Wilson, foi atingido na perna. O policial foi socorrido por equipes da própria PM e levado para o Hospital Geral Menandro de Faria (HGMF). Ele foi regulado para um hospital especializado em traumatologia e ortopedia, porque fraturou o fêmur com o disparo.