Jequié: Centro de Reabilitação da Santa Casa de Jequié estreia em competição paralímpica nacional com chance de medalha


Foto: Reprodução

Apenas um ano após a inauguração do Complexo Poliesportivo do Centro de Reabilitação da Santa Casa de Jequié, unidade assistencial da Fundação José Silveira, a instituição já está pronta para participar de competições paralímpicas a nível nacional. A estreia será nas Paralimpíadas Escolares, maior evento esportivo mundial para crianças com deficiência em idade escolar, realizado pelo Comitê Paralímpico Brasileiro – CPB, de 23 a 26 de novembro, no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo.

Com perfil de atleta de alto rendimento, a paciente Bárbara Britto, 14 anos, irá disputar as provas de 50m livre, 100m livre e 100m costas. Bárbara integra o programa Habilitação Esportiva Inclusiva do Centro de Reabilitação de Jequié, que tem como treinadora Verônica Almeida, dona de uma marca no Guiness Book, medalhista paralímpica, mundial e Parapan-Americana. “O convite para atuar como treinadora e olheira na Santa Casa de Jequié foi inesperado, mas tem sido uma experiência única e particularmente motivadora poder compartilhar meu conhecimento e, ainda, servir de inspiração para que os pacientes enxerguem além das dificuldades. Tem sido gratificante presenciar o encontro deles com o sorriso novamente”, afirma Verônica.

Estrutura completa de reabilitação

Com atendimento 100% filantrópico, o Centro de Reabilitação de Jequié é uma das mais completas estruturas de reabilitação do Norte e Nordeste e a primeira instituição do país a contar com o modelo de gestão da AACD. Também é a única unidade a utilizar o esporte como ferramenta auxiliar ao processo terapêutico, no interior da Bahia. O Centro faz parte da Santa Casa de Jequié, complexo de saúde que integra a obra assistencial da Fundação José Silveira, possibilitando atendimento gratuito de excelência para mais de 600 mil pessoas de cerca de 30 municípios de Jequié e região.