Brasil: Um em cada 5 eleitos para a Câmara vai assumir o mandato pela 1ª vez


Foto: Reprodução

Dos 513 deputados federais eleitos no último domingo (07), 102 vão assumir um mandato na Câmara pela primeira vez. Esses novos parlamentares representam 1 em cada 5 políticos que formarão a Câmara dos Deputados em 2019. Metade da nova Câmara é formada por deputados que se reelegeram para a função. Além dos novatos e dos reeleitos, um batalhão de 147 nomes já foi eleito para algum cargo público que não o de deputado federal. Puxado pelo presidenciável Jair Bolsonaro, o PSL contribuiu com 34 dos 102 dos estreantes. O levantamento feito pelo Uol levou em conta informações do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sobre pleitos anteriores. Em alguns casos, esses novos políticos já concorreram a outros cargos, mas nunca venceram. Deputado mais votado no Rio de Janeiro com apoio de Bolsonaro, Hélio Negão (PSL) é um deles. Antes de vencer esta eleição, ele já havia tentado, sem sucesso, a Câmara em 2014 pelo PTN. Em 2016, já no PSC, tentou ser vereador em Nova Iguaçu (RJ), mas ficou como suplente. Além de Hélio Negão, a popularidade de Bolsonaro ajudou o PSL a eleger mais 33 novos nomes na Câmara. Em sua maioria, esses novos parlamentares são ligados a área de segurança, como militares do Exército ou da Polícia Militar, ou figuras que já eram populares, como a jornalista Joice Hasselmann, mulher mais votada em São Paulo, e o ex-ator Alexandre Frota.