DENÚNCIA: PSF DO INDAIÁ TEM MAIS UM DENTISTA FANTASMA


No Castelo Assombrado De Luciano Fantasmas Fazem A Festa Do Terror…

Quem ver esta manchete pensa logo que é coisa de filme de terror. Quem tiver a paciência de ler esta reportagem até o fim, saberá que isto, é bem pior que filme de terror – é o terror propriamente dito. É muito mais, é terrorismo administrativo que amedronta – que lesa – que engana – que prejudica – que faz o povo de besta. Aliás, a cada dia que passa a turma do menino do pé quebrado, se aprimora cada vez mais nas suas falcatruas e ladroagem do dinheiro público, diga-se de passagem, sob os olhares coniventes de vereadores (situação e oposição), órgãos de fiscalização, entidades religiosas, “etc. e tal”. Nem vou falar deste “etc. e tal” para não me colocar no crivo injusto de setores outros, responsáveis pela defesa do cidadão e que devem primar pela vigilância da ética e da moral do serviço público, em todas as suas esferas.

Nos corredores do PSF.

Falar dos veículos de comunicação que atuam em nossa cidade, seria no mínimo hilário. Pseudojornalista, que antes batia, criticava e se dizia defensor dos pobres e oprimidos se vendeu por valores bem menores do que ele vale, ou seja, nada. Emissoras de rádio oficiais compactuam, abertamente com o crime de omissão, viram as costas para as mazelas da população em troca de míseros contratos. Uma delas, de cunho religioso, lambe as botas dos poderosos de plantão a troco de contrato mixuruca, perdeu o foco do comunitário e se entrega, acintosamente, a atividade eleitoreira partidária de um grupo de malfeitores, sob o olhar beneplácito do representante paroquial. A outra que se auto intitula POVO perde a sua, já desgastada e cambaleante audiência e cai, definitivamente, na total incredibilidade, pois faz o jogo do “vale quanto pesa” e promove a maior e mais escandalosa atitude antiética e desmoralizante, quando abre seus microfones, a qualquer momento pra difundir a mentira, a prepotência e a tirania deslavado de um pobre menino que quer provar o improvável e mostrar o que não existe, essa rádio ganha muito para isso.  As piratinhas, apesar da sua clandestinidade, pouco ou quase nada fazem por medo de serem denunciadas a ANATEL, exceto uma uma outra FM, que, em determinado programas evangélicos, chafurda tentativas vãs de críticas, dando uma impressão de paladino da verdade, mas o povo não recebe bem as palavras, pois  já comeram nas ricas mesas da corrupção e hoje querem se dar bem, como de costume (E pode pastor trabalhar em rádio Pirata?) kkkkk, só mesmo em Poções. O jornal, digo o folhetim, de um cara que até o nome soa falso, sobrevive, exclusivamente, do dinheiro sujo da gang do pé quebrado e seus tentáculos laranjais. Não por menos, a nossa querida e folclórica Voz da Cidade, se tornou “Voz dos poderosos, pois, para se manter de pé, foi obrigada a rastejar e aceitar contrato polpudo em troca de anúncios institucionais e mordaça na boca para não falar da péssima administração dos vagalumes. A imprensa regional (jornais, revistas e Tvs), que antes fazia um jornalismo periódico e regular se afastou da cidade e aguardam mudanças profunda no quadro político-administrativo. Fica apenas e tão somente o nosso Portal Poções como trincheira na luta por respeito e moralidade e, ao mesmo tempo serve de saco de pancada para aqueles que compactuam com o errado, com a safadeza e com a rapinagem instalada, a mais de 3 anos em Poções e que, ainda querem estender seus desmandos, por mais 4 anos.

Vamos ao nosso editorial fantasmagórico, ave Maria, dá até medo! Vejamos:

Jorge Luiz tem mostrado ser igual ou pior que Gilvan “Compra e Vende”

A pouco mais de seis meses, este portal denunciou, com farta quantidade de material, o que chamamos de Escândalo dos PSFs, onde a prefeitura estava mandando para o Ministério da Saúde (SUS), em Brasília, contas e despesas de Unidades de Saúde que não existiam, outras estavam fechadas e que continham irregularidades e recebia estas verbas, de forma fraudulenta. Tivemos o cuidado de apresentar a denúncia no portal e juntamos toda a documentação e formalizamos a mesma denúncia, junto ao Ministério Público Federal que deu origem a uma auditoria do SUS, como todos tomaram conhecimento. No meio desta denúncia tinha um item que revelava certo dentista, de nome: Alfredo Alves dos Santos, que recebia salários pelo trabalho no PSF do Indaiá. Os detalhes mais esdrúxulos são: a unidade de saúde não dispõe de equipamentos para odontologia e nem o referido dentista, jamais apareceu para prestar serviço. Após esta denúncia, a prefeitura, mais que depressa substituiu o fantasma Alfredo por outro sobrenatural, de nome, Fábio Conceição dos Santos, que é pior que fantasma, pois já é cadastrado em dois outros locais: 40 horas no PSF do Açude e 8 horas no Expresso Saúde, ou seja, acumulou mais uma função, no PSF do Indaiá e nunca apareceu por lá. Fizemos outra denúncia sobre o segundo fantasma e aí, agora prefeitura, novamente, substituiu pela dentista, Naiana Barbosa Carlito Sá, que, desde o dia 01.02.2012 recebe por 40 horas semanais, no PSF do Indaiá, sem nunca ter passado por lá, ou seja, em pouco tempo já foram trocados três fantasmas no PSF do Indaiá, sem que nenhum tenha prestado serviço por lá, só que seus salários foram pagos, como tivessem trabalhado. Ou será que eles emprestaram seus nomes para que “alguém” recebesse por eles?

No dia em que tiramos essa foto, o ex-secretario de saúde, Almir Rogério, estava fazendo uma visitinha para o atual secretario de saúde, Jorge Luiz. (Veja os carros em frente da casa)

O curioso é que o atual secretário da saúde, Sr. Jorge Luís mora a cerca de 30 metros deste PSF e não conseguiu, ainda, resolver este grave problema fantasmagórico num importante equipamento de saúde, que por coincidência leva o nome de um parente seu. Outro fato arrepiante é que o PSF citado não possui equipamentos para atendimento odontológico e os recursos para a compra já foi liberado pelo Ministério da Saúde a quase dois anos e até o momento nenhum secretário, nem Gilvan (compra e vende), nem o atual, Jorge Luís conseguiram realizar esta compra. Estranho, não é?

No CNES de Naiana, mostra que ela trabalha no PSF do Indaiá.

                           Clique na imagem e veja o CNES dos Dentistas Fantasmas.

Não adianta pensar que desistiremos, iremos em frente denunciando e mostrando a todo o povo de Poções, agora e como antes, prá não dizer que estamos aproveitando o ano de eleições, as falcatruas, as suspeitas de falcatruas, as irregularidades, as maracutaias que, este povo do chefe de pé quebrado, tão pé-quebrado quanto ele fazem com o nosso dinheiro e se enriquecem a olhos vistos, sob o olhar amedrontado de um povo pacato e de olhares coniventes e irresponsáveis daqueles que deveriam fiscalizar e punir os erros. Estaremos documentando toda esta sessão de terror, que acontece fantasmamente, em plena luz do dia no PSF do Indaiá e enviaremos ao Ministério Público do Estado (MPE) da Comarca de Poções, na tentativa que, alguma solução seja tomada.

Um fantasma perturba muita gente, dois fantasmas perturbam muito mais, três fantasmas perturbam muita gente… SERÁ QUE VAI APARECER MAIS???